World première of “Requiem pela Aurora de Amanhã” – Friday, July 20th

In the 44th edition of the festival, to mark 100 years after the end of the First World War, “Requiem pela Aurora de Amanhã” is a commissioned work by João Madureira on the theme of war and the affirmation of hope in Man.

Friday, July 20th | 21.30h
Claustro do Mosteiro dos Jerónimos

Orquestra Metropolitana de Lisboa
Voces Caelestes
Pedro Neves, conductor
Sérgio Fontão, direction
António Rosado, piano
José Tolentino Mendonça, text and narration

Debussy | Prélude à l’après-midi d’un faune
Ravel | Concerto en ré majeur, pour la main gauche
João Madureira | Requiem pela Aurora de Amanhã *

For more information on the Festival, visit the site or download the program!
Tickets may be ordered online on Ticketline or locally, one hour before the concert.

World premiere of “Arco para Pärt” – Sunday, May 27th

Date: Sunday, 27/05/2018 |19:30
Location: Culturgest – Foyer das Galerias, Lisboa

On the occasion of the Ensemble Darcos season, a mosaic of new contemporary Portuguese music, including the new work “Arco para Pärt”, composed by João Madureira will be presented at at Culturgest.

This new musical work will be performed by the Ensemble Darcos and directed by Nuno Côrte-Real.

For more further details about the concert , please, visit the Culturgest website.

Promenade Concert: Homage to Ana Hatherly – 5th November 2017, 16:00, Calouste Gulbenkian Foundation

Concert organized under the complimentary programme of the exhibition «Ana Hatherly and the Baroque. In a Garden Made of Ink.», curated by Paulo Pires do Vale.

Program

Louis Couperin

Prélude non mesuré en Fa majeur (n.13)

João Madureira

A.H. (Estudos Literários – Retratos, 2012)

Carlos Seixas

Concerto em Lá Maior para Cravo e Orquestra de Arcos

João Madureira

Três Momentos para Ana Hatherly (2003, encomenda da Culturgest)

Henry Purcell

Dido and Aeneas: Lamento de Dido

João Madureira

Noite (2010, encomenda do Grupo de Música Contemporânea de Lisboa)

 

Fundação Calouste Gulbenkian

5 de Novembro de 2017, 16:00

Free admission

 

Gulbenkian Orchestra

Conductor: Cesário Costa

Cândida Matos, harpsichordist; Ana Telles, piano; Rita Marques, Soprano; Margarida Hipólito, Soprano; Suzana Borges, Recitant

«Francisco», for solo flute, by Adriana Ferreira at Conservatório Nacional (Lisbon)

At 9 p.m. this evening, at Salão Nobre of the Escola de Música do Conservatório Nacional, I have the honour of listening to the marvellous flutist Adriana Ferreira play my piece «Francisco» (2014).

Adriana Ferreira

Composed on texts from the Memories of Sister Lúcia on Francisco, chosen by the magnificent flutist João Pereira Coutinho, to whom this piece is dedicated.

“Memória”, para coro e acordeão, estreia em Fátima

03 de abril, 2016 15:30 – 16:30

Basílica de Nossa Senhora do Rosário de Fátima

Officium Ensemble, com direção de Pedro Teixeira.

Acordeão: Octávio Martins

“Tropário para uma pastora de ovelhas mansas”
Projeto que reúne seis compositores que trabalham sobre fragmentos das Memórias da Irmã Lúcia

A partir de um argumento próprio, cada um dos seis tropos reúne fragmentos das memórias escritas a Irmã Lúcia de Jesus e foram concebidos a partir de dois textos: memórias da Irmã Lúcia e Como vejo a Mensagem através dos tempos e dos acontecimentos.
De acordo com o coordenador do projeto de composição, Alfredo Teixeira, “em cada sequência, a narrativa conhece interpolações diversas, mas todos os elementos textuais incluindo os poemas criados ou recolhidos, têm origem nas fontes referidas”, sem que alguma coisa “seja acrescentada”.

Mais informações em: http://www.santuario-fatima.pt/pt/news/tropario-para-uma-pastora-de-ovelhas-mansas–estreia-em-fatima

Concerto: amanhã, sexta-feira, 24, às 21.30, na Biblioteca Nacional!

É já amanhã, sexta-feira, 24, na Biblioteca Nacional De Portugal, em Lisboa, às 21.30!

Concertos para um poeta: Ruy Belo
Orquestra Metropolitana de Lisboa
J. Madureira Greeting
J. Madureira Ce Funeste Langage (orq. Pedro Amaral)
J. Haydn Sinfonia n.º 6, Hob.I/6, A Manhã
Maestro: João Paulo Santos

Antes do início do concerto que a Orquestra Metropolitana de Lisboa lhe dedica, serão ditos alguns dos seus poemas por António Mega Ferreira.

Estreia mundial de “Magnificat ou a insubmissa voz” – Terça-feira, 28 Outubro

No âmbito da exposição “Visitação. O Arquivo: memória e promessa”, vai decorrer um concerto na Igreja de São Roque, no dia 28 de outubro, às 21h30, integrado nas comemorações dos 516 anos da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa.
Neste concerto, que conta com a participação do Officium Ensemble, sob a direção do maestro Pedro Teixeira, será interpretado, em estreia mundial, o “Magnificat ou a insubmissa voz”, peça musical composta, em 2014, por João Madureira, sob encomenda da Misericórdia de Lisboa.


PROGRAMA

1. Audivi vocem, Duarte Lobo (c.1565-1646)
2. Commissa mea, Estêvão Lopes-Morago (c.1575 – c.1630)
3. Ave Maris Stella, Estêvão Lopes-Morago
4. Magnificat Primus Tonus (et Exsultavit), Filipe Magalhães (c.1571-1652),
em primeira audição moderna
5. Magnificat, ou a insubmissa voz, João Madureira (1971), em estreia mundial
Concerto interpretado pelo Officium Ensemble, dirigido por Pedro Teixeira

Greeting, by JOP | ESML /08 | Kassel Festival 5/08

Screenshot 2014-08-02 23.56.40

ESML | Auditório Vianna da Motta – august 3rd 2014, 16h00

Kongress Palais Kassel – Stadthalle | Festsaal – august 5th 2014, 20h00

PORTUGUESE YOUTH ORCHESTRA | Pedro Carneiro

Program

João Madureira: Greeting

Robert Schumann: Symphony no.4 in D minor, op.120

Piotr Ilich Tchaikovsky: Symphony no.6 in B minor, op. 74, “Pathétique”

More information: jop.org.pt

 

Participação no lançamento da grande exposição de Guimarães «M. G. Llansol: O encontro inesperado do diverso», Centro Internacional das Artes José de Guimarães

damos conta da grande exposição de Guimarães «M. G. Llansol: O encontro inesperado do diverso», que ficará no Centro Internacional das Artes José de Guimarães até 12 de Outubro.